Notícias

30/09/2015

Enquanto o Congresso não vota o projeto de lei que cria uma "gratificação de presença" para os representantes dos contribuintes no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), escritórios de advocacia "preparam" os novos conselheiros sobre os temas mais importantes do conselho. O objetivo é informá-los da jurisprudência das matérias. O advogado João Marcos Colussi, do Mattos Filho, informou que eles vão receber cerca de 15 processos por mês. "Precisariam de meses estudando", justifica.

Clique aqui para ler a íntegra da notícia.

Fonte: Valor Econômico