Notícias

16/03/2019
Colégio de presidentes da OAB destacam problemas enfrentados na advocacia

 


 

 


Nos dias 14 e 15, a diretoria da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Piauí, esteve reunida com os presidentes das Subseções da OAB do Estado durante a realização do I Colégio de Presidentes das Subseções da OAB-PI 2019, objetivando debater ações estratégicas para a gestão 2019/2021. O Colégio também ouviu os anseios dos presidentes das Subseções de Norte a Sul do Estado.

Conduzindo os trabalhos, o presidente da OAB-PI, Celso Barros Coelho Neto, deu as boas-vindas aos diretores das Subseções, ao tempo em que reforçou a importância do diálogo para o aprimoramento e valorização da advocacia piauiense.

“Estamos muito felizes e honrados em receber os representantes das Subseções da OAB do Piauí na Sede da Seccional. O I Colégio de Presidentes das Subseções da OAB-PI é o momento de nos aproximarmos, em especial de proporcionar a cada um dos presidentes e demais diretores a oportunidade de externar os pleitos da advocacia das respectivas regiões do nosso Estado. O Colégio tem o intuito de desenvolver a integração entre as 13 Subseções com a Seccional Piauí, além de estreitar ao laços e promover a interiorização dos trabalhos que visem a melhoria da advocacia do interior”, frisou.

Ao longo dos dois dias, cada Subseção, representada por presidentes e diretores, explanou sobre a realidade local e destacou as missões voltadas para a qualificação da jovem advocacia, defesa das prerrogativas, valorização da classe e a luta pelo aperfeiçoamento do acesso à Justiça.

No primeiro dia do evento, o ex-presidente e membro honorário vitalício da OAB-PI, Álvaro Mota, presidente do Centro de Estudos de Sociedade de Advogados (CESA) e do Instituto dos Advogados do Piauí, ressaltou a importância da união entre os profissionais da advocacia para o fortalecimento das entidades e discorreu sobre o CESA e a formalização das sociedades de advogados.

Em seguida, a presidente da Caixa de Assistência da Advocacia Piauiense (CAAPI), Andreia Araújo, apresentou as funcionalidades da Caixa e dos benefícios ofertados à classe.

O presidente do Tribunal do Ética e Disciplina da OAB-PI, Guilardo César Medeiros, também integrou o Colégio de Presidentes das Subseções e falou sobre a importância da ética na profissional da advocacia, além de apresentar a estrutura interna do TED, números e ações do órgão.

A secretária geral adjunta e corregedora da OAB-PI, Nara Letícia Couto, apresentou a Corregedoria Geral do Conselho Seccional, destacando o relatório que deverá ser respondido à Corregedoria trimestralmente, informando a situação da Subseção, como repasses, materiais, denúncias ao TED, dentre outros assuntos.

A advogada Roberta Oliveira conferiu palestra sobre prerrogativas e aspectos relacionados a proteção dos direitos dos advogados, tais como: prisões em salas do Estado maior, comunicações de prisão de advogados para a OAB, procedimentos para desagravos e a necessidade de que os presidentes das Subseções fiquem interligados com a Comissão de Prerrogativas.

Sobre a Ouvidoria da OAB-PI, a ouvidora geral e conselheira seccional Élida Fabrícia Franklin falou sobre o papel de comunicação da Ouvidoria e do acolhimento das demandas referentes à OAB-PI e sobre a expansão da Ouvidoria a ser feita nas 13 Subseções.

O diretor tesoureiro da OAB-PI, Einstein Sepúlveda, apresentou a atual situação financeira da Ordem, além de reforçar a importância do setor para a estruturação da Seccional e Subseções, e que nos 100 primeiros dias de gestão será melhorada a entidade.

O diretor geral da ESA-Piauí, Aurélio Lobão, destacou sobre qualificação profissional e a missão da Escola em interiorização das ações junto às Subseções do Estado.  

A vice-presidente da OAB-PI, Alynne Patricio, apresentou uma painel sobre as Comissões Temáticas, destacando o intenso trabalho que vem sendo desenvolvido pela Coordenação Geral das Comissões. Na oportunidade, foi ressaltado a importância de uma atuação integrada entre comissões e subcomissões temáticas da OAB-PI para fortalecer a advocacia em todo Estado.

Por fim, o secretário geral da OAB-PI, Leonardo Airton, apresentou as funções da Secretária da OAB-PI, ressaltando sobre os pedidos, cancelamentos e licenciamentos de inscrição, emissão de certidões, alimentação do cadastro e atualização de dados, solicitação e entrega de tokens, além da publicação no Diário Ofício Eletrônico na OAB.
Fonte: 
 Portal R10 - PI