Notícias

06/04/2022
Gisela Cardoso participa de debate sobre equidade de gênero promovido pelo Cesa
ADVOGADAS FAZENDO HISTÓRIA
 
O Centro de Estudos das Sociedades de Advogados (Cesa) reuniu quatro das cinco presidentes de seccionais da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em live  dia 29 de março para um debate sobre “Equidade de Gênero nas Sociedades de Advogados”.

img
 
A presidente da OAB-MT, Gisela Cardoso, participou do evento e defendeu esforços no sentido de levar, cada vez mais, a mulher advogada para dentro da Ordem, priorizando ações que a permita sair da posição de coadjuvante, passando a ser protagonista da própria história.
 
“Por mais que a gente avance e precisamos reconhecer isso, a mulher continua sempre ou na maioria das vezes como coadjante. Outro dia, olhando uma revista, uma matéria expondo destaques na advocacia apontava uma mulher advogada a cada cinco nomes. Fiquei pensando se somos destaque nessa proporção mesmo. Mas o mais impressionante é que, até bem pouco tempo atrás, não éramos nem 15% nessas listas. Então é um caminhar. Parece que estamos a passos lentos, mas de fato o momento é histórico, com o aumento da representação na OAB. No entanto, é preciso ressaltar que o protagonismo da mulher na advocacia depende de uma série de situações. Para que ela protagonize, precisamos combater a discriminação, apoiá-la. Trazê-la para dentro da OAB, para que esteja mais presente no dia a dia da Ordem, que é um caminho, uma porta que pode levá-las a novos voos”.
 
Gisela defendeu a união de mulheres advogadas para que superem juntas os desafios. “Na prática, as mulheres trabalham mais, são mais qualificadas de forma geral e então o grande desafio é superar barreiras que as afastam de sua carreira e dos cargos de gestão. Temos que puxar umas às outras”.
 
No debate, as advogadas ressaltaram a cultura ainda machista e patriarcal, autorizando homens a alçar voos altos, enquanto as mulheres, de modo geral, são ensinadas a se enquadrar em limites.
 
O presidente do Centro de Estudos, Gustavo Brigagão, destacou da importância de iniciativas, como o selo da equidade de gêneros do Cesa, para mudar esta realidade, incluir direitos e incentivar o respeito à diversidade.
 
O evento foi conduzido pela vice-presidente do Cesa, Cristiane Romano.
 
Veja a íntegra da live aqui.

Fonte: OAB MT - MT