Notícias

17/06/2019

O sócio-fundador do Felsberg Advogados, Thomas Benes Felsberg, é o primeiro brasileiro a receber o GRR Awards, um prêmio em reconhecimento ao seu trabalho no setor de insolvência e reestruturação de empresas no Brasil e no mundo. A premiação ocorreu no sábado (15), no El Palace Hotel, em Barcelona, Espanha, uma noite antes da abertura da 19ª Conferência Anual do International Insolvency Institute, instituição que Felsberg ajudou a criar. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (5) pelo Global Restructuring Review (GRR).

Segundo o GRR, a escolha de Thomas Felsberg aconteceu por se tratar de um dos principais advogados de reestruturação do Brasil, ex-consultor do Banco Mundial e membro-fundador do Instituto Internacional de Insolvência (III)". "Thomas Benes Felsberg, fundador do Felsberg Advogados em São Paulo e colaborador da redação da Lei de Reestruturação e Insolvência do Brasil em 2005, é uma referência global na área de falência e reestruturação de empresas. Além de ajudar a redigir a lei de falências existente no Brasil, ele faz parte de um grupo selecionado pelo governo brasileiro para remodelar a lei e atualizá-la. O escritório que leva o seu nome está presente em quase todas as principais reestruturações no Brasil, tanto pelo lado dos devedores quanto dos credores", lembra o texto do autor da biografia de Felsberg para o GRR. 

A cerimônia contemplou ainda 11 categorias que premiam profissionais, lugares e assuntos que marcaram o setor de insolvência e reestruturação transfronteiriça ao longo do ano passado. A GRR também revelou as 30 melhores empresas do GRR 100 2019 - guia anual para escritórios de advocacia transfronteiriços de insolvência e reestruturação.

Felsberg recebeu o prêmio após uma apresentação do amigo de longa data, Agustí Bou, da Fieldfisher Jausas, de Barcelona. Bou conheceu Felsberg quase 20 anos atrás em uma conferência do IBA, numa época em que o Brasil estava passando por dificuldades econômicas e um número crescente de empresas enfrentava falência ainda sob a Lei de Falências da década de 1940. "Ele estava começando a se tornar um excelente praticante, um daqueles com sólida reputação", lembra Bou. "Ele tem sempre uma abordagem não agressiva e busca encontrar o melhor cenário para o cliente, em muitos casos evitando um processo de insolvência. Mesmo quando a reestruturação extrajudicial não era popular no Brasil, ele já era muito, muito experiente nesse assunto", afirmou. 

Thomas Felsberg é membro do Comitê Executivo do International Insolvency Institute, Membro do American College of Bankruptcy, ex-presidente e atual membro do Conselho do TMA-Brasil e Membro do Conselho Jurídico da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo - FIESP. Além de seu trabalho relacionado à insolvência e à reestruturação de dívidas, tem papel relevante como árbitro listado em importantes câmaras arbitrais no país e no exterior. É ainda membro de comitês da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP), da Câmara de Arbitragem da BMF&Bovespa (CAM) e do Centro de Estudos da Sociedade de Advogados (CESA).

Sobre o Felsberg Advogados

Felsberg Advogados é um escritório brasileiro full-service pioneiro em diversas áreas do Direito e membro das redes internacionais Meritas e Legalink. Fundado em 1970 por Thomas Felsberg, o escritório desenvolveu no mercado brasileiro as áreas de Reestruturação e Insolvência, Project Finance, Venture Capital, entre outras. Em 2018, apresentou novos sócios nas áreas de M&A, Tributário, Trabalhista, Reestruturação e Insolvência, Compliance, Life Sciences, Infraestrutura/Saneamento. 

Com a expectativa de crescer 30% até 2020, esse ano o escritório segue com os planos de expansão. Nesse sentido, seus mais recentes investimentos foram em áreas estratégicas como Direito Econômico e Concorrencial, Reestruturação e Insolvência, Inovação/Tecnologia, Propriedade Intelectual, além de International Desks. 
Fonte:
 Saia Já - SP